Edward Norton deve ser o vilão de The Bourne Legacy

The Bourne Legacy é o quarto filme da saga Bourne, mas ele será, com certeza, o mais singular de todos.

O diretor será Tony Gilroy, um dos roteiristas da trilogia inicial e que também assina o roteiro deste, porém todo o resto será diferente. A começar pelo protagonista: sai Matt Damon, entra Jeremy Renner. O próprio personagem principal não será o mesmo. Jason Bourne nem estará no filme. Aliás, já é o segundo filme de ação que Jeremy Renner “substitui” o protagonista, né? #MissãoImpossível4feelings.

Rachel Weisz deve ser a mocinha do filme, algo na pegada da Julia Stiles dos outros filmes. Ficou faltando o vilão né? Não mais.

Edward Norton, um dos mais talentosos atores da sua geração, deve ser o vilão do filme. Norton fez excelentes trabalhos como em Clube da Luta, A Outra História Americana e As Duas Faces de um Crime, estes dois últimos rendendo-lhe indicações ao Oscar, Melhor Ator e Melhor Ator Coadjuvante, respectivamente.

Nenhuma informação sobre o papel foi revelado e dúvido que será até que o contrato esteja assinado. Mais informações, a gente divulga.

PS: Tivesse a Marvel mantido Norton pro papel de Hulk em Os Vingadores, teríamos o Gavião Arqueiro vs O Hulk nesse The Bourne Legacy.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...