DreamWorks compra os direitos do Gato Félix

Leandro de Barros

  quarta-feira, 18 de junho de 2014

DreamWorks compra os direitos do Gato Félix

Estúdio de animações adquire os direitos do personagem criado em 1919

Durante a Licensing Expo, em Las Vegas, a DreamWorks Animations anunciou a compra dos direitos de um dos personagens mais antigos e conhecidos da cultura pop: o Gato Félix.

Criado em 1919, o personagens está prestes a completar 100 anos e agora encontrará na DreamWorks uma nova casa, mas a empresa ainda não sabe bem o que fazer com o seu recém-adquirido personagem. Segundo o seu CEO, Jeffrey Katzenberg, a ideia é transformar o felino “numa das mais desejadas marcas fashion do mundo”, seja lá o que ele queira dizer com isso.

A DreamWorks revelou que um dos interesses que tinham na aquisição do personagem (por um valor não anunciado, aliás) foi a popularidade do Gato Félix na Ásia – e, como a gente já ressaltou por aqui várias vezes, o mercado cinematográfico asiático está crescendo muito, principalmente na China e na India. Apesar do estúdio nem mesmo citar a possibilidade de um filme animado do personagem, uma nova produção com uma nova linha de merchandising com a imagem de Felix com certeza renderia muito dinheiro para a DreamWorks.

É também interessante lembrar que, de certa forma, a DreamWorks já possuía uma ligação com o Gato Félix. Em 2012, o estúdio comprou a Classic Media do grupo Boomerang Media Holdings pelo valor de $155 milhões de dólares. Nessa aquisição, a DreamWorks levou pro seu acervo vários personagens e marcas, como o Gasparzinho, o Wally (de Onde Está o Wally?) e a Lassie, além da animação dos anos 50 do Gato Félix. O personagem em si, porém, ainda pertencia ao neto de um dos criadores do Gato Felix.

via Variety


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários