Daniel Radcliffe topa ser o pai de Harry Potter em um futuro remake da série

HP 7.2

Quando Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2 chegou aos cinemas, em 2011, não demorou muito para a imprensa internacional começar a cogitar um reboot/remake de Harry Potter nos cinemas. Afinal, estamos falando só da franquia cinematográfica de maior bilheteria da história do cinema.

Porém, não deveremos ter um reboot de Harry Potter tão cedo. Talvez daqui a 10 anos a Warner comece a pensar no assunto, mas por enquanto é cedo demais pra alguma coisa do tipo. Não que isso impeça os fãs de imaginar, claro.

Perguntado sobre qual papel ele gostaria de ter nesse possível reboot da franquia, Daniel Radcliffe (ou Harry Potter, se você preferir) disse que toparia ser Tiago Potter: “Nada de coisas escolares. Uma participação especial como o pai de Harry? Seria perfeito“.

Ainda sobre a série Harry Potter nos cinemas, Radcliffe disse que não se imagina fazendo um novo filme da série. “Mesmo se a Jo [Rowling] escrevesse uma sequência, o que já é improvável, eu negociaria muito. Eu ralei muito para me estabelecer como ator fora da franquia, eu ficaria muito hesitante em voltar. Mesmo que seja no futuro – eu já tenho 23 anos, já estou velho demais pra ficar correndo por aí com uma capa escolar“, disse o ator.

[vejamais]

Mais sobre Harry Potter:

[/vejamais]

Essa não é a primeira vez que um membro do elenco da série fala sobre um possível reboot de Harry Potter. Enquanto Emma Watson disse que poderia ser a Professora McGonagall, o próprio Radcliffe já afirmou que poderia interpretar o Professor Lupin no futuro. Mas  só beeeeem no futuro, ok?

via Snitch Seeker

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...