Daniel Craig elogia o roteiro de Skyfall e compara o filme à Casino Royale

Voltando um pouco no tempo, é fácil lembrar que Casino Royale, o vigésimo primeiro filme da franquia 007 e o primeiro com Daniel Craig no papel principal, era esperado com alguma suspeita e conquistou público e crítica, sendo aclamado como um dos melhores filmes do espião nos últimos anos.

Sua continuação, Quantum of Solace, não teve um desempenho tão bom assim e o personagem deu uma esfriada até hoje. Agora que o 23º filme de James Bond está sendo produzido, a pergunta que não quer calar é se ele será um novo Casino Royale ou se ele será um novo Quantum of Solace.

Daniel Craig, o protagonista do filme, aposta na primeira opção: “Eu estou realmente empolgado com o roteiro que nós temos em mãos, e isso não é uma hipérbole de ator. Nós temos um gancho realmente bom. Na verdade, nós temos dois ou três ganchos muito bons, dois devem funcionar e é isso que você quer [em um filme]. Era o que a gente tinha em Casino Royale”.

Recentemente, Michael Fassbender (X-Men: First Class) disse que Craig estava fazendo um bom trabalho como 007 e que ele não pensava tanto assim no futuro, quando foi perguntado sobre o rumor de que ele pode assumir o papel do espião quando Daniel Craig abandonar essa vida de agente do MI-6, mas Craig não parece muito animado em deixar o personagem tão cedo: “Há um filme perfeito do James Bond por aí e eu vou encontrá-lo mesmo que isso me mate”.

Vamos esperar que não seja preciso chegar à tanto.

Em Skyfall, a lealdade de Bond a M é testada quando o passado dela volta a assombrá-la. Com o MI6 sob ataque, 007 deve rastrear e destruir a ameaça, mesmo que isso tenha um custo pessoal.

007 – Skyfallo 23º longa da franquia, com Daniel Craig, Judi Dench, Javiem BardemBen Whishaw,Albert Finney, Ralph FiennesBerenice Marlohe, Helen McCrocy, Ola Rapace Naomi Harris no elenco e direção de Sam Mendez estréia em novembro de 2012.

The Handmaid’s Tale – Review – 1ª Temporada

Começa numa perseguição de carro e continua numa perseguição a pé, uma família acuada tenta fugir de seus perseguidores se embrenhando na floresta, a tensão...

Agents of SHIELD – Review – 4° Temporada

Magnifica! É a primeira palavra que me vem à mente para descrever a série Agents of SHIELD, uma série que começou com uma pegada totalmente...

Crítica | Resident Evil 6 – O Capítulo Final

Resident Evil 6 – O Capítulo Final, dirigido por Paul W. S. Anderson e levemente baseado no jogo de vídeo game do mesmo nome,  é...

Desventuras Em Série – Crítica – 1° Temporada

A quase 12 anos atrás, chegava ao cinema a adaptação de um dos maiores sucessos literários da história. “Lemony Snicket’s A Series Of Unfortunate Events”,...

Resenha de Como Tatuagem, de Walter Tierno

Walter Tierno é autor nacional, publicou dois livros pela Giz Editorial (Cira e o Velho e Anardeus – No Calor da Destruição) e agora, pela...

Resenha de Além-Mundos, de Scott Westerfeld

Scott Westerfeld é, atualmente, um dos escritores que considero consistentes a ponto de ler seus livros sem saber exatamente do que se tratam e ainda...