A Disney pediu para a Pixar fazer uma sequência de Procurando Nemo

Leandro de Barros

  quarta-feira, 07 de agosto de 2013

A Disney pediu para a Pixar fazer uma sequência de Procurando Nemo

Vice-Presidente da Pixar afirma que Procurando Dory foi um pedido da Disney

Imagem puramente ilustrativa ;)

Imagem puramente ilustrativa ;)

Toda vez que um estúdio maior ou uma empresa compra alguma produtora/desenvolvedora de conteúdo (filmes, games, etc), os fãs começam a temer que a nova dona da brincadeira comece a se meter onde não deve.

Esse padrão se repetiu, por exemplo, quando a Disney comprou a Marvel, a Pixar e a Lucasfilm. Por enquanto, pelo menos publicamente, as aquisições feitas pela Casa do Mickey foram benéficas para todos os envolvidos, com mais filmes da Marvel, da Pixar e de Star Wars sendo planejados/lançados.

Mas e se a Disney tivesse “pedido” que um desses filmes fosse feito? De acordo com o diretor Andrew Stanton (Procurando Nemo), foi o que aconteceu. Em entrevista ao Los Angeles Times, o cineasta (que também é Vice-Presidente da Pixar) afirmou que Procurando Dory, a sequência de Procurando Nemo, só acontecerá porque foi um pedido da Disney.

Houve um pedido bem educado da Disney. Eu sempre fui a favor de não fazermos sequências de nada, mas eu tive de aceitar do ponto de vista de um vice-presidente. Sequências são parte da necessidade de continuarmos funcionando, mas não queríamos pegar esse caminho por razões empresariais. Nós queremos pegar esse caminho por razões criativas, então dissemos para Disney ‘Vocês podem nos dar um prazo para quando lançar esse filme? Porque nós queremos lançar algo que realmente iremos querer fazer, e talvez isso não surja quando vocês quiserem’

E temos aí: Procurando Dory só acontecerá por força da Disney. Pessoalmente, eu me sinto meio alinhado com o pensamento de Andrew Stanton. Muita gente torce o nariz para estúdios que fazem sequências e franquias, como se a “lucratividade” de uma marca fosse inversamente proporcional à sua qualidade artística. Talvez a Pixar mostre que, com tempo para se trabalhar, uma sequência não precisa necessariamente significar um filme inferior ou sem qualidade.

Em contra-ponto, não custa lembrar de Carros 2, uma sequência feita pela Pixar que claramente não possui a mesma qualidade que os outros filmes da Pixar – até mesmo o primeiro Carros já não tinha. Não há nenhuma declaração oficial de que Carros 2 tenha sido um pedido da Disney, embora o estúdio já tenha preparado um spin-off da franquia sem envolvimento da Pixar.

Procurando Dory estreia em Novembro de 2015.


Já está nos seguindo no Twitter e no Facebook? Vem trocar uma idéia com a gente também no Botecão do Jack, nosso grupo no Facebook. Se quiser algo mais portátil, corre pro Telegram.

Comentários